Notícias » Política

Câmara Municipal aprovou projeto de lei para divulgação dos nomes de pessoas positivadas com Covid-19.

PROJETO DE LEI 018/2021 AUTORIA: VEREADOR CLAUDINEI BELO, VEREADOR MAURICIO BOSAK, VEREADOR CARLOS ALBERTO WOSLKI, VEREADOR JOACIR BOBATO, VEREADOR ELDER PONTAROLLO JUNIOR, VEREADOR AMBROSIO DOVHI SÚMULA: “Autoriza o Município de Prudentópolis a divulgar a lista nominal dos casos ativos de positivados da COVID-19, como medida temporária excepcional de enfrentamento à pandemia, e dá outras providências.” […]

Em 16 de junho de 2021 às 14:55 | Política

PROJETO DE LEI 018/2021

AUTORIA: VEREADOR CLAUDINEI BELO, VEREADOR MAURICIO BOSAK, VEREADOR CARLOS ALBERTO WOSLKI, VEREADOR JOACIR BOBATO, VEREADOR ELDER PONTAROLLO JUNIOR, VEREADOR AMBROSIO DOVHI

SÚMULA: “Autoriza o Município de Prudentópolis a divulgar a lista nominal dos casos ativos de positivados da COVID-19, como medida temporária excepcional de enfrentamento à pandemia, e dá outras providências.”

O POVO DO MUNICÍPIO DE PRUDENTÓPOLIS, ESTADO DO PARANÁ, POR SEUS VEREADORES NA CÂMARA MUNICIPAL, APROVOU E EU PREFEITO SANCIONO A SEGUINTE LEI:

Art. 1º. Fica autorizado o Município de Prudentópolis a divulgar a lista nominal de casos ativos dos positivados com o vírus Sars-CoV-2, causador da COVID 19, no portal da transparência do Município, como medida temporária excepcional de enfrentamento a pandemia, enquanto perdurar a situação de calamidade pública e emergência na saúde pública municipal decorrente da pandemia COVID-19.

Art. 2º. A divulgação dos casos ativos dos positivados a que se refere o art. 1° é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Saúde e deverá ser realizada de forma diária ou a cada atualização do boletim epidemiológico, na aba destinada a divulgação de ações voltadas ao combate à pandemia, no Portal da Transparência do Municipio.

Art. 3°. A lista conterá os seguintes dados do(a) positivado(a):

I. Nome completo, inclusive codinome ou apelido como é mais conhecido;

II. Faixa etária que pertence;

III. Periodo que deve ficar em isolamento.

Art. 4º. A divulgação de que trata o Art. 1° desta lei se justifica em razão da alta taxa de contágio da Covid-19, se caracterizando como medida temporária excepcional de enfrentamento a pandemia, se revestindo como direito coletivo e de especial interesse público, o conhecimento de todos os indivíduos infectados por parte da sociedade.

Parágrafo único. Confirmada a infecção por Covid-19, a Secretaria de Saúde colherá termo de ciente e autorização do paciente quanto à divulgação a que se refere esta lei, entretanto, a recusa de autorização não impedirá a divulgação.

Art. 5º. A divulgação preservará a data de nascimento, inscrição de CPF, RG, filiação e demais dados sigilosos, limitando-se ao nome, o nome como é conhecido, a faixa etária que pertence e o período de isolamento.

Art. 6º. A recusa em assinar o termo de consentimento com a divulgação ensejará na aplicação de multa no valor de 10 (dez) Unidades Fiscal Municipal, multa que será aplicada também no caso de descumprimento do isolamento fixado, sem prejuízo de responsabilização na esfera criminal.

Art. 7º. As farmácias e laboratórios que detectarem testes positivos para Covid-19 deverão imediatamente comunicar a Secretaria Municipal de Saúde, sob pena de multa de 10 (dez) UFMS.

Art. 8º. Fica autorizada a Secretaria Municipal de Saúde a implantar adicionalmente, se necessário, outras formas de identificação dos pacientes positivados, bem como estabelecer outras normas correlatas.

Art. 9º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrário.

JUSTIFICATIVA;

A medida tem o objetivo de coibir a circulação de pessoas com a COVID-19. A medida tem por finalidade frear urgentemente o contágio, visto que os índices de taxa de reprodução do vírus se encontra acima da média e nova variante é uma preocupação ainda maior.

Trata-se de uma pandemia de altíssimo risco coletivo de abrangência mundial, quando então, a divulgação dos nomes das pessoas positivadas servirá de controle por todos os munícipes e não somente pela Secretaria Municipal de Saúde.

Medidas sanitárias que possam afetar outros direitos fundamentais, como a liberdade de ir e vir pela obrigatoriedade de quarentena, isolamento e distanciamento social, visam salvaguardar a vida da coletividade, sobrepondo-o ao direito individual.

O Projeto agora segue para o Poder Executivo (Prefeito), para ser sancionado ou não.






LEIA TAMBÉM

DIVULGADA A LISTA COM OS NOMES DOS CANDIDATOS A VEREADORES EM PRUDENTÓPOLIS.

Com a finalizações das convenções e atas divulgadas, os partidos já escolheram os nomes...

CONFIRA OS NOMES DOS CANDIDATOS ELEITOS EM PRUDENTÓPOLIS.

Osnei Stadler e Evaldo Hoffmann foram eleitos Prefeito e Vice Prefeito em Prudentópolis. A...

IRAJANE SANTINI SERÁ A CANDIDATA A PREFEITA DE PRUDENTÓPOLIS PELO PSL.

Irajane Santini será a candidata a prefeita de Prudentópolis pelo Partido Social Liberal (PSL)...

MAIS TRÊS CASOS CONFIRMADOS DE COVID-19 EM PRUDENTÓPOLIS.

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE PRUDENTÓPOLIS. NOTA OFICIAL COVID-19. A Secretaria Municipal de Saúde...
loading